PENSAMENTO

"Renda-se, como eu me rendi. Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei. Não se preocupe em entender, viver ultrapassa qualquer
entendimento." (Clarice Lispector)

domingo, 22 de setembro de 2013

POETAS MARINGAENSES DECLARAM SEU AMOR À NATUREZA NO DIA DA ÁRVORE

Poesias brotaram frescas e perfumadas em frondosas árvores de Maringá, no sábado dia 21, em comemoração ao dia das árvores.
São frutos doces de poetas maringaenses, incentivando a leitura e cultura local.
Muitos provaram e se deliciaram desse maná!
Prestigiado e apoiado pela prefeitura municipal, esse belo projeto educativo, que iniciou em 2012 está crescendo e despertando interesse da população. Vejam as fotos abaixo da reportagem do jornal o Diário, fotos de alguns poetas reunidos,  fazendo doações de seus livros e fotos dos poemas pendurados nas árvores.
Eu também estive participando e doando alguns de meus livros, prestigiando os amigos poetas, incentivando o gosto e o prazer de ler poesias. Foi uma alegria ver nossos versos, balançando felizes, nas árvores mães acolhedoras!
Parabéns ao idealizador e coordenador do projeto: Marcelo Rocha e aos nossos queridos amigos poetas Marco Hruschka e Junior Franco, que abraçaram o projeto e foram articuladores em Maringá e Curitiba.











































terça-feira, 10 de setembro de 2013

MINHA ENTREVISTA NO PROJETO DIVULGA ESCRITOR


Convidamos você a ler, curtir, comentar e compartilhar entrevista com a escritora Vera Margutti.

Vera Lucia Fávero Margutti é capixaba, reside em Maringá-PR desde 1989. Psicopedagoga, escritora e poeta. Graduada em Letras. Pós Graduação em Psicopedagogia. Participa em muitas Antologias pela Câmara Brasileira de Jovens Escritores (CBJE). É membro da Associação Internacional de Escritores e Artistas Literarte. Premiada com o PRÊMIO LITERÁRIO DE CULTURA 2012 pela LITERARTE. Vencedora do Concurso Cultural Literarte 2012 na categoria infantil com o livro "Tuga, a tartaruguinha Hiperativa". Integrante da REBRA (Rede de Escritoras Brasileiras) com participação na Antologia "Literatura das Mulheres da Floresta". Autora solo do livro de poesias "Flores do Coração" publicado pela Scortecci Editora. Acadêmica da ANLPPB (Academia Nacional de Letras do Portal do Poeta Brasileiro).

“Tenho fé em Deus, nas potencialidades humanas. Sou amante da natureza, das artes e literatura. Escrever é meu grande hobbie. Outro é colecionar orquídeas.”

Boa Leitura!

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

PROJETO BRASIL LEIA MAIS

Minha participação no projeto "BRASIL LEIA MAIS" da Academia Nacional de Letras do Portal do Poeta Brasileiro.
Alguns livros meus e Antologias, em que participo com minhas obras, no dia 31-08 foram "esquecidos" em alguns lugares públicos de Maringá. Vejam algumas fotos de alguns lugares, nas imagens abaixo. Além desses, 4 outras obras foram espalhadas, mas infelizmente não me foi possível o registro. 
Desejo aos que encontrarem estes tesouros, que façam uma prazeirosa leitura. E se possível entre em contato com ANLPPB através do email que segue no bilhete junto ao livro. Ou mesmo comigo no email veramargutti@hotmail.com. Deixando seu comentário sobre a leitura. 
Após a leitura, deixe os livros serem "achados"por outros, deixando-os em outros lugares públicos, como:
shoppings, Igrejas, consultórios médicos... Cumpra você também,sua parte, nesse belíssimo projeto, ajudando o Brasil a ler mais!








sexta-feira, 30 de agosto de 2013

UM TESOURO CHAMADO LIVRO

"UM TESOURO CHAMADO LIVRO"
PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA DO PORTAL DO POETA BRASILEIRO

Hoje bem cedo já saí para dar a minha parcela de contribuição neste belo projeto de incentivo a leitura. Deixei alguns livros meus e Antologias que participo, junto com outros escritores, em alguns espaços públicos de Maringá. Quem encontrar algum desses tesouros "perdidos" , desfrute bem se abastecendo da leitura e depois deixe-o em outro lugar bem visitado. Cumpra também a sua parte, ajude o Brasil a ler mais!
Em breve postarei algumas fotos dos lugares onde foram deixados os livros.













"Um exercício de cidadania.
Hoje o Brasil acordará mais rico, quero dizer,o Brasil acordará mais livro!
Escritores de todo Brasil, deixarão em praça pública um tesouro! Isso mesmo: UM TESOURO CHAMADO LIVRO. Uma iniciativa do PORTAL DO POETA BRASILEIRO e de sua ANLPPB.
Uma ideia lúdica que desperta no leitor a curiosidade e o desejo de ler. Nada de muita burocracia, apenas e tão somente,um projeto prático com um poder social infinito.
Homens e mulheres num exercício de cidadania, voluntários culturais,escritores conscientes e capazes de lutar por um Brasil mais digno, por uma pátria com mais subsídios educacionais.Um grito silencioso sem o estardalhaço das manifestações, um basta aos engravatados que propõem projetos mirabolantes de milhões que não concretizam, não saem do papel.
Poetas que lutam pela chance de serem lidos, que a duras penas editam seus livros sem o apoio dos órgãos públicos,sem o respaldo da mídia que se preocupa mais com a desagregação cultural, com "popozudas" e "cachorras",e instiga na cabeça do jovem, baladas e orgias ao som de músicas pobres que exaltam uma ostentação que a maioria do povo brasileiro não tem possibilidade de ter.E o povo canta sem imaginar que está sendo manipulado, que está cantando uma coisa engraçada sem outras pretensões.É isso que todos querem! Tirar do povo a capacidade de pensar, de se atrever em um mundo que o levará a ter identidade própria,a entender que o seu voto, pode mudar a história. E o país fica mais pobre, repleto de jovens que se perdem nas mãos do ócio e se marginalizam incapazes que são de concorrerem com a boa informação.
Vamos às ruas distribuir tesouros, quanto mais se juntarem a nós nesse mutirão de cultural, mais alto será nosso voo. Estaremos, com o nosso exemplo, fomentando nos outros, a ideia de alimentar nossos jovens com alimentos que contribuirão para exercitar o cérebro até que possam entender que o Brasil precisa de homens e mulheres capazes e não de seres subservientes incapazes de lutar pelo que realmente é urgente e necessário."
[Aline Romariz]
Membro Efetivo da ANLPPB
(Academia Nacional de Letras do Portal do Poeta Brasileiro)

sábado, 17 de agosto de 2013

TUGA SE AVENTURA A TOMAR BANHO DE LUA

TUGA SE AVENTURA A TOMAR BANHO DE LUA

Tuguinha amava aquela praia dourada em que nasceu. Aquele mar, aquelas ondas que a embalavam. Tudo ali a ajudava a imaginar fantasias deliciosas, sentia-se tão viva! Olhava para o céu encontrando-se com o mar, rapidinho subia nele. Lá de cima, sentadinha em uma nuvem, brincava de pescar os peixes e de soltá-los depois no mar. Jogava flocos de nuvens que caiam lentamente no mar só para vê-lo espumar numa brancura linda.
E ao chegar o poente corria para escutar aquele barulhinho de fogo se apagando na água: o Sol se pondo tchiiiiiiiiiiiiiiiii, dava uma leve tristeza, mas muito passageira, pois logo a lua aparecia. Antes de dormir Tuguinha ia espiar os casais de namorados que vinham à praia tomar banho da luz prateada da lua. Ela não entendia
suas vozes, mas podia entender a felicidade deles e ali parada e feliz brilhava sob a luz da lua.
Vivia sonhando acordada -imaginação não lhe faltava . Por conta disso, vez ou outra também entrava em cada encrenca! Via-se em palpos de gente!
Um dia, tomando banho de lua pertinho de um casalzinho de namorados, foi vista e escutou, para sua surpresa:
― Benzinho, veja que tartaruguinha mais bonitinha! Pega ela pra mim,
eu sempre quis ter uma tartaruguinha em casa!
― Ah, meu bem, tem certeza? Tá! Vou pegá-la.
Enquanto ele se levantava, Tuguinha saiu em tal disparada, como nunca correra tanto na vida! Coitada! Ainda bem que tinha bom condicionamento físico, e que, por sorte, existiam pedras ali perto. Então se escondeu e pôde tomar fôlego até partir de volta para sua casa. “Quem manda ficar xeretando namoro de gente à noite? - pensou -. E ouviu quando disseram:― Não acredito que você a deixou escapar!
― Nossa! Muito esperta essa tartaruga! Logo aparecerá outra, minha querida. Não fique triste!
― Ah! Que pena! Gostei tanto daquela, era tão lindinha!
Depois do susto Tuguinha foi dormir feliz pelo elogio e rindo sozinha pela aventura, e de repente, algo ainda maior a satisfez, por saber que agora tinha a habilidade de entender aquelas vozes humanas. “ Que estranhos e fascinantes eles são” – suspirou Tuguinha antes de adormecer.

No meio, a INDIFERENÇA

No meio, a INDIFERENÇA

Isolamentos
'mundinho de artifícios'
tecnologias
internet
celulares...
autossuficiência.
Milhares de amigos virtuais
Ilusões reais.
Relações frias
desgastadas, arredias.
No meio, a indiferença.
Alergia de gente
diferente.
Medos sem precedentes
fuga
vazio
solidão
depressão
(mal do século?)
consequências reais.
Assim caminha a humanidade.

sábado, 10 de agosto de 2013

FELIZ DIA DOS PAIS!

PARABÉNS A TODOS OS PAIS 
SINTAM-SE ABRAÇADOS POR DEUS E POR SEUS FILHOS! 



QUERO HOMENAGEAR A TODOS OS PAIS, COM ESSA BELA OBRA DE ARTE, QUE ILUSTRA BEM O AMOR DE PAI E FILHO.

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

FALECIMENTO DE DOM JAIME LUIZ COELHO (Primeiro Arcebispo de Maringá)



A Arquidiocese de Maringá comunica o falecimento do primeiro Arcebispo de Maringá, Dom Jaime Luiz Coelho (97). Dom Jaime morreu por volta 1h da madrugada desta segunda-feira (05), na Santa Casa de Maringá, vítima de insuficiência renal crônica. Ele havia sido internado na UTI da Santa Casa na noite de sábado (04), por causa do agravamento do quadro de insuficiência renal.
O velório teve início às 12h desta segunda-feira na Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Glória.
O sepultamento deverá ser realizado terça-feira (06) logo após a missa de corpo presente das 18h30. O corpo de Dom Jaime será sepultado na cripta da Catedral Basílica.

A Arquidiocese pede que as pessoas que queiram prestar homenagens a Dom Jaime não comprem coroas de flores e sim façam doações em dinheiro para as obras sociais da Igreja. As doações podem ser feitas na Catedral.

Missas estão sendo celebradas de três em três horas na Catedral
Por ocasião da morte do primeiro Arcebispo de Maringá, Dom Jaime Luiz Coelho, a Arquidiocese de Maringá decreta luto oficial de três dias.

As 56 paróquias da Arquidiocese estarão fechadas a partir das 12h desta segunda-feira (05) e retomam com o expediente normal na quarta-feira (07).

As missas de corpo presente serão celebradas na Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Glória nos seguintes horários:
Hoje (05) às 12h, 15h, 18h30, 24h e terça-feira (06) às 3h, 7h, 12h, 15h e às 18h30.

Todas as atividades pastorais que estavam programadas para esta segunda e terça-feira deverão ser canceladas.


Dom Jaime já está sendo velado na Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Glória.
Descanse em paz Dom Jaime, na divina glória, nos braços do Pai!


A CNBB divulgou nota sobre o falecimento, onde fala um pouco da vida e da obra de D. Jaime.
segue o link abaixo:







terça-feira, 23 de julho de 2013

LANÇAMENTO DO LIVRO TUGA, A TARTARUGUINHA HIPERATIVA NO SALÃO DE EVENTOS DO SESC MARINGÁ 22-07-2013

TUGA, A TARTARUGUINHA HIPERATIVA foi o primeiro livro lançado na abertura da Semana dos Escritores, organizada pelo SESC de Maringá, ontem dia 22-07-2013 às 15 h. O local foi muito bem decorado e quem foi ao lançamento, pode conhecer, apreciar e se enriquecer de cultura: olhando as exposições das biografias e fotos dos escritores Maringaenses e suas obras. 
Minutos antes do lançamento, muitas crianças que participavam da Colônia de Férias do SESC, tiveram o privilégio de assistir uma contação de estórias, realizadas brilhantemente, pelos estagiários do SESC. E em seguida foi apresentada às crianças e adolescentes presentes, e outros que foram chegando, especialmente dos Colégios Duque de Caxias e Rodrigues Alves do Jardim Alvorada; onde fiz doações de muitos exemplares. Um trabalho de divulgação e incentivo a leitura. 
Enquanto eu autografava os livrinhos da Tuguinha, as crianças se deliciavam com algodão doce. Foi uma boa ideia que tive, em oferecer algodão doce, no lançamento, pois, até os adultos sentiram-se crianças, adoçando a vida com açucar e cultura.
Minha tartaruguinha que já é garbosa, sentiu-se muito orgulhosa!

Vejam as fotos abaixo: